O Hosting ainda é uma palavra que deixa algumas pessoas confusas, mesmo sendo uma parte essencial para ter um site.

Como gostamos de esclarecer as principais dúvidas em relação às tecnologias, elaborámos um artigo exclusivo sobre o tema!

Vamos explicar-lhe o que é, os tipos e como pode escolher o melhor. Preparado? Vamos lá!

Hosting: Tudo o que precisa de saber

Comecemos por desconstruir a palavra para ser mais fácil. “Host” pode traduzir-se para “hospedeiro”. Trata-se de um dispositivo que se conecta a uma rede através de um endereço de IP (internet protocol) e a um domínio.

Quem quer ter um site precisa de uma máquina para guardar e disponibilizar os dados. Esta tarefa até podia ser feita com um dispositivo pessoal, no entanto, por razões de segurança, privacidade e desempenho, não é aconselhável.

E é aqui que entra o serviço de hosting. É disponibilizado por empresas altamente qualificadas que têm computadores de alto desempenho a trabalhar 24 horas por dia e 7 dias por semana.

A empresa responsável pelo servidor deve garantir que, no caso de alguma falha, existe outro servidor para hospedar o site.

Assim, evitam-se problemas como sites não disponíveis. Imagine o que seria um potencial cliente tentar abrir o seu site e este não funcionar?

Com a quantidade de oferta que existe, opta facilmente por ir a um site da concorrência para satisfazer a sua necessidade.

Este é um dos motivos pelos quais deve garantir que a empresa que escolhe tem a capacidade de resposta necessária.

De modo a responder às necessidades de todas as empresas, foram criados vários tipos de hosting.

1 – Compartilhado

Nesta solução o site é colocado no mesmo servidor que outros sites. Por norma, são compartilhados recursos como a RAM e a CPU.

Por ter um custo muito baixo é um dos mais escolhidos, sendo indicado para sites com níveis de tráfego moderados.

Apesar disto, este tipo de serviço tem algumas desvantagens, como por exemplo não ter acesso ao root ou uma capacidade muito limitada.

Esta capacidade pode não permitir lidar adequadamente com altos níveis de tráfego ou picos. Além disso, o desempenho pode ser facilmente afetado pelos outros sites alojados no servidor.

2 – Servidor Virtual Privado (VPS)

Neste caso o servidor já é dividido em várias partes, tendo cada site o seu próprio. Assim, os sites não são afetados pelos picos dos outros, diminuindo as hipóteses de ir abaixo.

Aqui já é possível ter acesso ao root e ao seu próprio espaço virtual. Sendo a opção ideal para aqueles que precisam de mais controlo e não querem investir num servidor pessoal.

A limitação mais preocupante é que existe uma quantidade fixa de recursos. Isto significa que o site pode ter dificuldades em lidar com picos repentinos de tráfego.

3 – Servidor Dedicado

Terá acesso a todas as partes do servidor, tendo o controlo máximo e sendo exclusivo para o seu site.

Não terá problemas de tráfego e estará livre para fazer tudo o que considera necessário. Porém, os preços destes servidores são extremamente altos.

São aconselhados apenas para sites que recebem uma quantidade significativa de visitas e que estejam sempre sujeitos a picos.

4 – Cloud Hosting

Tem uma capacidade ilimitada para lidar com tráfego e com picos de visitas. Mas neste caso continuará a dividir o espaço com outros sites.

O que o distingue é o facto de usar diversos servidores, ou seja, vários computadores que trabalham juntos. Este é o pormenor que dá a capacidade de lidar com altos fluxos.

O ponto negativo é que não terá acesso ao root, ou seja, não conseguirá alterar configurações e instalar alguns tipos de softwares.

Como saber qual é o melhor hosting para a sua empresa?

Como pode perceber pela curta descrição que fizemos, existem pormenores muito relevantes que deve considerar para fazer a escolha certa.

Num blog com pouco tráfego, um servidor compartilhado é mais do que suficiente, mas se quiser ter mais controlo pode optar pelo VPS ou pelo dedicado.

Se for um site mais sazonal, pode ser mais vantajoso optar pelo cloud, para ter a capacidade de lidar com altos fluxos, abdicando de ter mais controlo.

Sabemos que escolher o hosting para a sua empresa pode ser complicado, mas queremos que saiba que na Webtech estamos ao seu dispor! Ajudamo-lo a tomar as melhores decisões tendo em conta o seu negócio.

WebSite com CRM Gratuito!!

Solicite o seu contacto, sem compromisso.